planejamento 01

Já ouvi várias vezes, nesses meus dois anos de profissão, pessoas dizerem “não posso pagar por um arquiteto, estou sem dinheiro para isso” ou “um projeto de arquitetura é artigo de luxo”.

Um projeto de arquitetura, seja ele uma reforma, uma construção nova ou uma reorganização de um espaço, é um planejamento assim como se faz quando pretendemos viajar. Com essa comparação posso explicar bem, entenda esse raciocínio: para uma viajem de férias tranquila seguimos etapas.

planejamento 02

Pensamos nas passagens, na hospedagem, no transporte e sem dúvida nas atividades que iremos fazer nesse local. Podemos nos planejar por conta própria ou com o auxílio de uma agência de viagens. E nesses dois casos incluem o PLANEJAMENTO PRÉVIO. Procuramos por sugestões para que nada nos dê dor de cabeça. Esse exemplo mostra como diminuir situações que poderiam dar errado como: não ter hotel em um local seguro, escolher uma época de tempo ruim ou de se hospedar onde o atendimento só te trará aborrecimento. Agora há também as pessoas que sentem que sabem de tudo e acham planejamento chato ou cansativo. Aquelas que nunca tiveram antes uma experiência traumática e que continuam contando com a sorte. Essas pessoas são exemplos claros daquelas que compram revistas de decoração, pesquisam na internet ou conversam com o pedreiro do vizinho e acham que é fácil ampliar a sala de estar, trocar o piso da varanda, construir uma garagem. Correr o risco do resultado final não ser o esperado e ter gasto mais dinheiro do que pensava pois o orçamento não previa uma impermeabilização de uma área molhada, a telha barata que não traz nenhum conforto térmico, são pequenos exemplos que poderiam nem existir se um profissional estuda e experiente tivesse sido consultado.

planejamento 03

Respondendo ao título da postagem “Por que um projeto de arquitetura não é apenas para quem tem dinheiro?” Porque ele é feito exatamente para o planejamento financeiro de cada um. Dentro das limitações de orçamento e na medida certa para proporcionar a melhor experiência ao usuário.

Recentemente, em um pequeno projeto de reforma de uma cozinha e um banheiro, ouvi um gratificante “eu não tinha ideia do trabalho que dava até ver o projeto cheio de detalhes e aqueles termos estranhos na hora de comprar uma simples bancada de granito”. Ter o prazer de mudar a cabeça de uma pessoa com relação a planejamento é algo de valor inestimável. Sentir que os meus esforços em aprimorar meu trabalho, seja com estudos ou mesmo pondo em prática dentro do meu escritório/showroom, estão esclarecendo cada dia mais pessoas.

Saibamos reconhecer o valor de cada profissão pois nós precisamos uns dos outros, ninguém é melhor que ninguém.


Deixe seu comentário